Drone auxilia no combate ao mosquito da dengue


Publicado em 18 de fevereiro de 2021

As equipes da Saúde de Iracemápolis têm intensificado as ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. Nesta semana, uma ação envolveu o uso de um drone para auxiliar na fiscalização de alguns espaços, evitando, assim, locais com água parada.

A iniciativa contou com o trabalho voluntário do morador Guilherme Godoy, que utilizou o drone. A ação teve apoio da GCM e ocorreu no Jardim Iracema que é o local que mais apresentou casos de dengue até o momento.

De acordo com o setor de Vigilâncias em Saúde, por meio de imagens aéreas, o drone permite que a equipe visualize locais onde não é possível entrar, evitando, assim, novos focos de proliferação do mosquito.

Números mostram que são 15 casos confirmados da doença em Iracemápolis e 17 pessoas aguardam resultados de exames.

A diretora do setor de Vigilâncias em Saúde, Vivian Graziela da Silva, destaca a importância da população atender aos agentes de vetores. “Pedimos que as pessoas abram suas casas para nossas equipes para que as ações sejam mais eficazes. Esse apoio da população é muito importante”, destacou.

Foto: Divulgação

Ação ocorreu nesta semana com o apoio de drone