Nota oficial sobre a desativação do ecoponto do Jd. Aquárius


Publicado em 4 de agosto de 2017

Em virtude da nova política de destinação de resíduos sólidos adotada pela Prefeitura de Iracemápolis, por meio dos departamentos competentes, serão adotados novos procedimentos relacionados ao descarte de resíduos sólidos.

A partir de hoje, sexta-feira, dia 4 de agosto de 2017, as atividades do ecoponto do Residencial “Jardim Aquárius” estão oficialmente encerradas, passando a ser terminantemente proibido o descarte de qualquer tipo de material no local, respeitando assim os moradores daquela área que sofrem com problemas com animais peçonhentos, mau cheiro e incêndios criminosos que acabam por gerar transtornos não só para as imediações como também para o município como um todo, que sofre com a fumaça tóxica.

A Prefeitura está trabalhando a liberação de um novo local para funcionar como ecoponto, no Parque Empresarial, que será destinado ao descarte e receberá resíduos em aproximadamente 15 dias, a contar da data de hoje. O novo local fica no cruzamento das ruas Jones José Incherpe e José do Carmo da  Silva.

Durante esse período, a população será orientada com relação aos novos procedimentos de descarte. Segue algumas normas que serão adotadas a partir de hoje:

  1. Não será mais permitido depositar no ecoponto: resíduos da construção civil ou reformas (entulho), de gesso, de poda de árvores e de limpeza de lotes e terrenos, cumprindo a lei municipal nº 2183 de 27 de maio de 2015, sendo obrigatório a contratação de serviços devidamente credenciados de caçambas que forneçam recibos para possível comprovação do descarte, exceto se o descarte for em pequena quantidade (até 1 metro cúbico, não podendo ser repetido o descarte pela mesma pessoa ou veículo no prazo de 20 dias).
  2. Deverão ser encaminhados à Cooperativa “Reciclar e Vida”, na Rua Ralpho Elísios Monteiro dos Santos, 563, no Parque Industrial Catharina Ometto, os seguintes materiais: recicláveis em geral, lixo eletrônico (TV, rádio, computadores, baterias, telefones, celulares, carregadores), eletrodomésticos (geladeira, fogão e outros), óleo de cozinha usado, colchão de espuma ou de mola. O munícipe pode se cadastrar no programa da Cooperativa para que o reciclado seja retirado na residência em data previamente determinada. As informações com relação ao programa e cadastro são fornecidas pelos responsáveis pela Cooperativa no telefone (19) 9 9839-5404 ou e-mail reciclar2000@gmail.com.
  3. Móveis velhos ou “cacareco” poderão ser descartados no ecoponto, desde que cumpram as normas do local e que não estejam misturados a outros tipos de resíduos. O material deve permanecer na residência e aguardar a coleta em datas previamente determinadas, sendo colocado na calçada, de preferência desmontados e na data da coleta.
  4. Resíduos industriais de qualquer natureza (provenientes de pequenas médias e grandes empresas) estão permanentemente proibidos no ecoponto. A empresa, o empresário ou o contratado flagrado descartando resíduos em áreas públicas ou privadas, sem autorização expressa, serão notificados e multados, com registro de ocorrência, representados no Ministério Público e denunciados em órgãos competentes como CETESB e Polícia Ambiental.

É muito importante lembrar que todo descarte fora das áreas determinadas são considerados criminosos. Em caso de dúvida, antes de descartar qualquer material, entre em contato com os setores responsáveis da Prefeitura: Meio Ambiente, Serviços Urbanos, Pelotão Ambiental e Defesa Civil.

Resíduos domésticos devem respeitar os dias de coletas da Prefeitura e deverão ser colocados em frente da residência. Descartar lixo doméstico em qualquer área pública ou privada é crime.

É proibido o descarte de qualquer tipo de material proveniente de outros municípios no território de Iracemápolis.

 

Mais informações:

Coordenadoria de Meio Ambiente: (19) 3456 9200

Coordenadoria de Serviços Urbanos: (19) 3456 9200

Pelotão Ambiental e Defesa Civil: (19) 3456 4611

Limpeza do ecoponto do Aquárius está em fase final; trabalho é fruto de parceria da Prefeitura com Usina Iracema, Jayamu Empreendimentos e Garcia Terraplanagem