Taxistas farão transporte de pacientes


Publicado em 11 de abril de 2019
Lela: “Serviço será custeado pela Prefeitura e visa dar mais conforto aos usuários”

Os pacientes de Iracemápolis que fazem hemodiálise em cidades da região farão suas viagens por meio de táxis, com o serviço sendo custeado pela Prefeitura.

A medida foi informada nesta semana pelo prefeito Fábio Zuza e visa dar mais conforto aos pacientes, além de trazer economia ao município.

“Nosso objetivo é ampliar a qualidade e a pontualidade no atendimento. Mas também vamos reduzir custos. O agendamento das viagens segue com o setor de Transportes e os serviços serão acompanhados de perto”, detalhou.

Para os pacientes, o ganho em conforto é grande, uma vez que os taxistas costumam trabalhar com carros de qualidade superior aos da Prefeitura.

O diretor municipal de Transportes, Clodoaldo Benedicto (Lela), disse que a demanda do setor ficará mais fácil de ser atendida. “Fizemos reuniões com o prefeito, taxistas e com profissionais da Controladoria e da Contabilidade para o planejamento”, afirmou.

QUALIDADE

A medida é fruto de estudos que levam em consideração custos diversos, como hora extra e diária de motoristas, consumo de combustível, pedágios e manutenção dos carros da frota municipal, como troca de pneus, óleo e outros desgastes.

“Na ponta do lápis, fica mais barato locar táxis. Então chamamos todos os 24 taxistas da cidade, convocados por carta e jornais, e definimos essa alteração no transporte”, detalhou Lela.

Ele frisa que a medida vai beneficiar o atendimento do setor como um todo. “Ao locar o serviço para pacientes em hemodiálise, sobrarão veículos e motoristas da Prefeitura para os demais roteiros. Isso vai permitir a adequação de horários e mais qualidade no atendimento à população”, concluiu.